top of page
  • Foto do escritorGrupo Prever Sul

Como o projeto Tampinha Amiga contribui com a Apae

Você sabia que 1 milhão de garrafas de plástico são compradas a cada minuto pelo mundo todo? Todos os anos, perdemos 17 milhões de barris de petróleo para produzir plástico. 40% dessa produção é destinada para produtos que serão usados apenas uma vez, como canudinhos, garrafas, cotonetes e copinhos.


Para reduzir esse número e o impacto desses números, conscientização é o caminho. Uma das mudanças necessárias é melhorar o reaproveitamento e gerenciamento de resíduos, evitando o descarte no ambiente. A reciclagem deve ser prioridade.


A Apae tem feito a sua parte por meio do projeto Tampinha Amiga. Ao mesmo tempo em que diminui o descarte de tampinhas plásticas em locais impróprios, recicla os materiais e gera recursos para programas, projetos de atendimento e melhorias na infraestrutura de suas instituições.


O processo


As tampinhas doadas pelas empresas parceiras são recolhidas e levadas para a instituição onde são separadas, higienizadas e empacotadas por cores. Normalmente, o trabalho é realizado por alunos, colaboradores e voluntários da Apae.

Após a separação, as tampinhas são vendidas para uma empresa recicladora, gerando renda que apoiará atividades e projetos desenvolvidos pela instituição.


O papel do Grupo Prever Sul


O Grupo Prever Sul é uma das empresas parceiras da Apae neste projeto. Disponibilizamos no Paraná, Rio Grande do Sul e recentemente Santa Catarina, baldes para que os colaboradores descartem tampinhas plásticas de refrigerante, leite, suco, água, remédio, produtos de limpeza, cosméticos e de higiene, etc.


Quando o projeto foi inaugurado em POA os colaboradores doaram mais de 8 mil tampinhas nos 30 primeiros dias. Cristina Santos, coordenadora de patrimônio da Apae de Porto Alegre, revela que graças à parceria com a Angelus a instituição já organizou passeios pedagógicos para o cinema, em parques e lanches coletivos. Além disso, pôde promover melhorias significativas aos alunos com a compra de computadores e ares-condicionados.


Em Maringá, Luciana Braga (Angelus Seguros) conta que até a sua família faz questão de participar do projeto:


“Por causa do projeto, minha mãe começou a guardar as tampinhas também. Toda vez que vou para Curitiba ou ela vem para cá, traz um monte de tampinhas!”, comemora.


Doar tampinhas é uma forma de cuidar de gente e do meio ambiente. Participe do projeto e descarte tampinhas nas seguintes unidades:


PARANÁ

  • CSC Maringá

  • Angelus Seguros

  • Capela Central Maringá

  • Funerária de Umuarama

  • Escritórios do Plano Prever

RIO GRANDE DO SUL

  • Todas as unidades


SANTA CATARINA

  • CSC Joinville


ความคิดเห็น


bottom of page